Blog Centric System

21
May

A importância da monitoração de servidores

Categoria: Soluções

Antes de falar especificamente sobre a importância da monitoração de servidores, precisamos primeiro entender o quão crítico tornou-se o papel dos servidores nos dias de hoje:

A função dos servidores é processar e armazenar dados de sistemas e arquivos que são compartilhados entre os diversos departamentos da empresa. A demanda por sistemas aumenta cada vez mais, afinal, as empresas estão cada vez mais informatizadas. Logo, a monitoração de servidores torna-se uma tarefa vital, uma vez que os servidores são críticos e precisam estar em pleno funcionamento para que não haja interrupção na operação ou no negócio.

Por falar em interrupção, são várias as causas: excesso de uso da capacidade das máquinas, falta de recursos, falhas por desgaste de equipamentos, falhas humanas, desastres naturais, invasões externas, entre outras. Mais uma vez, a monitoração é vital, pois ajuda tanto a enxergar as interrupções no momento em que elas ocorrem, quanto a prever gargalos na rede que podem vir a causar futuras falhas.

Existem várias formas de manutenção: a preventiva, a corretiva e a preditiva. A grande maioria das pessoas e empresas atuam somente na corretiva, que é depois que o problema já aconteceu. Para atuar nos cenários ideais, de manutenção preventiva e preditiva, é preciso ter dados a serem analisados – sejam dados históricos ou informação em tempo real – e para ter a visão da saúde da rede, somente realizando devidamente a monitoração de servidores.

Confira abaixo os principais indicadores de desempenho que devem ser considerados dentro do plano de monitoração de servidores de toda empresa:

Disponibilidade

Esse indicador diz respeito ao tempo em que o servidor esteve estabelecido e em funcionamento – tecnicamente conhecido como uptime. Em ambientes críticos, a disponibilidade precisa ser o mais próximo de 100%, pois qualquer pequena queda pode desencadear uma série acontecimentos. Imagine qual o prejuízo para um grande E-Commerce, ter seus sistemas de vendas online, indisponível por alguns minutos?
A monitoração de servidores ajuda o administrador a ter visibilidade dos downtimes – tempos de indisponibilidade – para tomar ações a fim de restabelecer. Nesses ambientes críticos que não podem parar, é comum que exista redundâncias de equipamento para garantir altos níveis de disponibilidade, mesmo no caso de falhas.

Desempenho

O desempenho está ligado à capacidade dos servidores frente a demanda que eles suportam. É comum que uma empresa monte seu Datacenter considerando seu porte atual, e depois o esqueça. Passam-se alguns meses, novos sistemas foram implantados, novos usuários contratados, entre outras consequências do crescimento e dinamismo do negócio, e o desempenho passa a ser afetado. É chegado o momento onde as quedas começam a ocorrer, comprometendo assim a qualidade dos serviços.
Neste caso, a monitoração de servidores ajuda a enxergar essa capacidade em termos de memória, armazenamento, processamento, etc, para saber a hora de aumentar os recursos para que a TI comporte o crescimento da operação.

Segurança

Sempre em pauta nas principais “rodas” de tecnologia, a segurança da informação é uma grande preocupação de todas as empresas que operam e dependem da TI. Existem várias vulnerabilidades e ameaças que precisam ser controladas – de SPAM de e-mail, que podem sobrecarregar e até derrubar um servidor, até uma invasão que comprometa o vazamento de informações sensíveis e sigilosas.
A monitoração de servidores possibilita que os responsáveis tenham visibilidade em tempo real da condição dos sistemas. É claro que, apenas monitorar não é suficiente, e é preciso combinar essa monitoração com ferramentas de prevenção de ameaças, preferencialmente as que trazem segurança completa para a rede – como é o caso de soluções UTM.

As ofertas entre ferramentas de monitoração de servidores são diversas, e é importante atentar-se a demanda do negócio na hora de fazer a escolha. Ferramentas mais completas têm capacidade de mapear todos os recursos da rede, registrar procedimentos e também informações dos ativos de TI para possibilitar a manutenção preventiva, bem como prover diferentes formas de alertas – visual, e-mail, SMS, etc – para garantir que medidas corretivas serão tomadas com a devida urgência, quando necessário.

Na Centric System, escolhemos trabalhar com o que existe de melhor em termos de ferramenta para monitoração. Por isso, somos parceiros da ManageEngine para ofertar ferramentas como OpManager, Applications Manager e Netflow Analyzer, que atendem necessidades específicas de diferentes tipos e portes de empresas. Se você também procura uma solução de monitoramento de servidores que se adapte ao seu modelo de negócios entre em contato conosco e fale com um consultor certificado pela ManageEngine.

Voltar ao blog